Receba nosso conteúdo por E-mail!!

Receba nosso conteúdo por E-mail!!

GREVE GERAL NA ARGENTINA PARALISA O PAÍS EM MEIO A FORTE CRISE.

#Argentina tem recuo de 2,3% em sua economia.


Uma greve geral na Argentina durante essa Quinta-Feira, 06, paralisou o país afetando a circulação de ônibus, trens, metrôs e até voos. Esse é a primeira grande greve argentina que acontece no governo de Macri, que assumiu o poder há 16 meses.

Várias pessoas não conseguiram ir ao trabalho e escola. O fluxo de carros nas ruas de Buenos Aires é menor que o de costume. Há muita circulação de táxis. O governo local cancelou a cobrança de pedágios e estacionamentos rotativos para incentivar a população utilizar seu transporte particular.

Voos de companhias aéreas como a ‘Aerolíneas Argentinas’, tiveram voos nacionais e internacionais cancelados. A greve nos aeroportos foram organizadas pela Associação do Pessoal Técnico Aeronáutico (APTA) e a Associação do Pessoal Aeronáutico (APA).

A paralisação geral, que deve seguir por 24 horas, afetou o comércio, escolas, transportes de carga e segurança pública.

CRISE NA ARGENTINA: A Argentina, cuja economia recuou 2,3% no primeiro ano do governo Macri, experimentou em Janeiro uma leve recuperação, mas a pobreza já atinge 32,9% da população e a produção industrial segue há 13 meses em queda.

A inflação, que segundo analistas chegou a 40% em 2016, evaporou o poder aquisitivo e o consumo interno segue caindo há 13 meses.

Estimativas situam a inflação para 2017 em 21%, enquanto o governo insiste que será de 17% e busca impor seu índice aos reajustes salariais, enquanto os sindicatos exigem uma recomposição em negociações livres com as empresas.
Greve geral parou Argentina em crise
Filipe Severo
Filipe Severo

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Os conteúdos publicados neste blog são de total responsabilidade do Informativo Blog.

GALERIA DE VÍDEOS