Receba o nosso conteúdo por E-mail.

Receba o nosso conteúdo por E-mail.

NÚMERO DE ESTRANGEIROS NO BRASIL CAI SEGUNDO DADOS DA POLÍCIA FEDERAL.

#Sul do Brasil está entre os principais destinos dos visitantes.


Dados da Polícia Federal compilados no Anuário Estatístico de Turismo, divulgadas nessa segunda-feira, 25, pelo Ministério do Turismo, mostram uma uma leva queda no número de estrangeiros no país. Durante todo o ano de 2015, foram registrados, 6.305.838 visitantes internacionais.

O número é 1,9% menor do que o registrado em 2014, quando o país superou, pela primeira vez, a marca de 6 milhões de turistas -foram 6,4 milhões de estrangeiros naquele ano, sendo pouco mais de 1 milhão apenas em junho, mês da Copa. 2015 registrou, segundo a Organização Mundial do Turismo (OMT), o recorde de 1,18 bilhão de viagens internacionais.

A expectativa para este ano no Brasil, segundo comunicado divulgado pelo ministério, é que a Olimpíada do Rio ajude na atração de visitantes. "O turismo será o grande legado dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos", disse o ministro Alessandro Teixeira, empossado na semana passada."O revezamento da tocha, que percorrerá mais de 330 municípios brasileiros, será decisivo para consolidar os destinos turísticos nacionais para o mundo", destacou

As estatísticas brasileiras, diga-se, ainda que tenham se estabilizado na marca de 6 milhões de visitantes, estão longe das de outros polos turísticos mundiais.

Nova York (EUA), por exemplo, recebeu, sozinha, 12,3 milhões de estrangeiros em 2015. A França, país mais visitado do mundo, recebe cerca de 85 milhões de turistas por ano.

O documento do Ministério do Turismo destacou os principais emissores de turistas para o Brasil. A Argentina, mais uma vez, lidera esse quesito: foram 2,079 milhões de argentinos no país em 2015.

A região Sul registrou, durante o verão, uma invasão argentina como não se via há alguns anos.

Depois dos "hermanos", em segundo lugar ficaram os americanos (575 mil) e, em terceiro, os chilenos (306 mil). Ainda que essas posições do ranking tenham se mantido, só a emissão de argentinos cresceu entre o "top 3" (em 2014 haviam sido 1,7 milhão de visitantes do país vizinho); o número de turistas dos EUA e do Chile foi menor no ano passado do que em 2014.

Os meses de maior fluxo turístico em 2015 foram janeiro (com a chegada de 915 mil visitantes estrangeiros) e dezembro (784 mil), ápice do verão e das férias escolares no Brasil. Na sequência veio fevereiro (719 mil), mês do Carnaval.

A maioria dos turistas estrangeiros chegou ao país de avião (4,32 milhões); como o maior aeroporto internacional brasileiro é o de Guarulhos, São Paulo foi a principal porta de entrada dos visitantes (2,2 milhões vieram pelo Estado, um recorde).

Em seguida estão o Rio de Janeiro (1,37 milhão) e o Rio Grande do Sul (1,08 milhão).

No Estado gaúcho, a via terrestre é a preferida dos turistas: responde por 89% das entradas no país. Segundo o ministério, o número é explicado pela proximidade com as fronteiras de países vizinhos -em especial, a Argentina.


Filipe Severo
Filipe Severo

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Os conteúdos publicados neste blog são de total responsabilidade do Informativo Blog.

GALERIA DE VÍDEOS